Como funciona o exame de paternidade pelo DNA?    

O exame de paternidade baseia-se na identificação de marcas genéticas específicas que podem ser encontradas no sangue da mãe, do filho e do suposto pai. Estas marcas genéticas estão localizadas numa substância chamada DNA (ácido desoxirribonucléico).
  
O DNA é encontrado em todas as células do nosso corpo e possui todas as informações necessárias para gerar um ser vivo. O DNA é responsável pela transmissão das características hereditárias dos pais para seus descendentes e é organizado em estruturas chamadas cromossomos. Toda pessoa recebe metade dos seus cromossomos do pai e metade da mãe. As subunidades que compõem o DNA são denominadas nucleotídeos e as ligações entre eles constituem a seqüência do DNA.

Existe uma grande variação na seqüência do DNA de pessoa para pessoa, fazendo com que seja praticamente impossível encontrar duas pessoas com a mesma seqüência, com exceção de gêmeos idênticos. Portanto, cada pessoa tem um padrão de DNA único que, a exemplo de sua impressão digital, pode ser usado para fins de identificação.

Metade dos padrões de DNA do filho é herdada da mãe e metade é herdada do pai. Durante o procedimento do exame, padrões de DNA do filho são comparados primeiramente com padrões de DNA da mãe. Os padrões de DNA do filho, que não correspondem aos da mãe, são obrigatoriamente herdados do pai. Se o suposto pai não possuir os padrões de DNA necessários para ser o pai biológico, ele é excluído. A exclusão é absoluta porque o suposto pai não poderia ter fornecido os padrões de DNA requeridos para a paternidade. Se, ao contrário, o suposto pai possuir os padrões de DNA necessários para caracterizar paternidade, então ele é considerado um pai em potencial com uma probabilidade superior a 99,99%.   




Prazo de entrega

O Laboratório Flor está entrega os resultados num prazo de 15 dias úteis.
O resultado comprreende uma via original e duas autenticadas, sendo uma para mãe, outra para o pai e outra para os arquivos e controle do laboratório.



Procedimento necessário

Solicita-se a presença do pai, da mãe e da criança, todos com o xerox do documento de identidade, e caso a criança seja recém nascida, é necessário entregar ao laboratório a declaração do nascimento expedido pela maternidade.

A presença e autorização da mãe é fundamental para a realização do teste, sem sua presença e autorização, a coleta não poderá ser realizada.

 

Valores e demais informações poderão ser esclarecidas através do nosso telefone (47) 3346-9514.

 

[Voltar]